Objetivos

A XVIII Bienal de Arte de Cerveira tem como principais objetivos nesta edição:

1 – INTERNACIONALIZAÇÃO

  • Inserção e potenciação da participação em redes internacionais;
  • Dinamização da plataforma digital / Portal da Bienal Promoção internacional;
  • Equipa de co-curadoria internacional;
  • Expansão dos espaços expositivos na Euro-Região Norte de Portugal-Galiza.

2- DESENVOLVIMENTO DO CLUSTER DAS INDÚSTRIAS CRIATIVAS E CULTURAIS

  • Qualificar a oferta criativa /cultural através de workshops, formação, intercâmbios de experiências com artistas internacionais, etc.;
  • Alargar a procura, ao contribuir para o alargamento dos públicos, a nível nacional e internacional;
  • Reforçar a notoriedade das indústrias criativas e culturais, interna e externamente.

 3 – CONSOLIDAÇÃO DO MODELO ORGANIZATIVO

  • A Fundação Bienal de Cerveira é uma estrutura organizativa própria e permanente criada para a continuação e consolidação do projeto iniciado em 1978 pelos seus fundadores.

4 – DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO, SOCIAL E CULTURAL DO ESPAÇO TERRITORIAL EM QUE SE INSERE

  • Contrariar uma tendência neoliberal de beneficiar a dimensão e a escala, através da promoção de eventos realizados em territórios de baixa densidade, onde há um trabalho consolidado e coerente em torno das indústrias criativas;
  • Dar continuidade ao trabalho da autarquia na aposta das Artes como sector base do seu desenvolvimento económico, social, turístico e cultural;
  • A consolidação e internacionalização da Bienal de Cerveira contribuem para o reforço da notoriedade da Região Norte no mundo, enquanto um espaço de modernidade e de qualidade de vida, com reflexos o nível da sua atratividade.

De salientar, ainda, o aprofundamento da cooperação Norte de Portugal / Galiza através deste evento, sendo que, mais uma vez, o âmbito geográfico se estenderá a vilas do Alto Minho e da Galiza.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someone
X